Oi Oi minha gente querida,

Outro dia eu estava com um grupo de constelação familiar e, diante de um dos casos abordados no campo, eis que ressurge uma frase de cura entre os representantes que ressoou profundamente nos meus ouvidos:

“Me abençõe se faço diferente?”

Essa é uma frase de tanto poder e cura! Uma frase de tanta conscientização emocional! Eu resolvi escrever sobre isso porque não apenas nas relações familiares entre pais e filhos, mas em todo e qualquer relacionamento que temos ou ainda teremos, podemos refletir sobre o aprendizado contido nesta frase.

Diante da rapidez da vida e do imediatismo humano, com a facilidade das redes sociais e dos laços afetivos, aquela pessoa que não corresponde à uma de nossas expectativas, pode ser rapidamente deixada de fora do nosso círculo de contato e convivência caso ela não nos agrade. Basta bloquear, retirar dos contatos, ignorar uma mensagem, excluí-la de um evento…

Mas, lidar com essa pessoa mesmo não nos agradando é que se torna um desafio. Suportar um comportamento dela que não nos agrada, ver no dia a dia essa pessoa fazendo algo diferente do que esperávamos ou ainda, vê-la fazendo algo que é totalmente diferente do que fazemos no hoje, mas que, na verdade, adoraríamos ter feito exatamente igual durante toda a nossa vida e que não conseguimos, pode se tornar um grande peso.

Infiltrados na dor emocional, na perda, no conflito, no medo, simplesmente não conseguimos enxergar brilho na pessoa que, por estar mais avançada no processo evolutivo, escolheu ir por um outro caminho que não foi o que quisemos ou que conseguimos trilhar.

Mas, se pudéssemos talvez ver valor nesse comportamento diferente do nosso, talvez chegaríamos à conclusão de que a evolução de um é o crescimento do outro e assim é sucessivamente neste plano em que um está conectado ao outro sem perceber.

Talvez a pessoa que faz diferente hoje, nos enxergou durante toda uma vida sofrendo sendo reféns de algumas de nossas atitudes e, em algum momento da vida dela, ela resolveu dizer: “Não, basta! Da minha geração em diante eu não quero mais continuar com isso!” Talvez ela tenha sofrido com o nosso comportamento contínuo de erro e tenha dito: “Eu não quero ser igual assim, não quero tomar a dor disso pra mim!”.

Essa pessoa pode ter sido curada com o nosso exemplo, com o nosso erro, com a nossa dor…e ela resolveu fazer diferente! Se decidirmos sabiamente liberá-la para fazer seu próprio caminho, como assim fizemos o nosso um dia, também estaremos nos curando.

E embalada nessas reflexões, percebo que a frase “Me abençõe se faço diferente”, pode ser usada em 2 contextos:

SITUAÇÃO 1: Se você é a pessoa que fez diferente e está em conflito com algum familiar ou pessoa do seu meio de relacionamentos, exatamente pelo fato dela ter algum sentimento doentio pelo seu posicionamento e decisão. Se você sente que alguém tem raiva, desprezo e não suporta te ver tendo outro rumo na sua vida…

Ao invés de discutir e sofrer pelo simples fato de querer a todo custo que a pessoa mude a forma como ela te vê, apenas feche os olhos, sintonize com a pessoa, envie amor para ela e converse com mentalmente dizendo: “Me abençoa se faço diferente e escolho, na infinidade da vida onde estou, meus próprios caminhos evolutivos? Para onde estou indo, sempre levarei com gratidão no meu coração o aprendizado que tive através de você!”

OU

SITUAÇÃO 2: Se você é a pessoa que se conscientizou dos seus erros, mas sente uma grande culpa por ter gerado conflitos em sequência naquele relacionamento ou no sistema familiar no qual pertence, e sente ainda que grande parte das pessoas te condenam e se revoltam com você…

Ao invés de se deixar levar pela culpa, pela dor do erro e se aprisionar nos conflitos, feche os olhos, sintonize essas pessoas e converse com elas mentalmente dizendo: “Me abençõem se fiz diferente e façam de forma mais humanizada na geração de vocês, daqui onde estou vou torcer por vocês”!

As palavras curam e a nossa mente tem poder ilimitado para transformar situações e dores emocionais!

Abençoem, independente de qual lado estejam, aqueles que fazem diferente e resolvem alterar os rumos, cessar o padrão de dor e transformar histórias…

E então, vamos fazer esse exercício?

 

 

Olá minha gente querida,

Existe uma máxima para mim que é o seguinte: MATÉRIA É ENERGIA!

Quem é atendido no Instituto Holístico Dr. Oswaldo Cruz sabe que eu ensino meus pacientes a enxergarem tudo o que acontece na vida deles sob a ótica da totalidade absoluta, ou seja, com o máximo de clareza mental possível. É esse pequeno passo que, quando dominado com excelência, traz para nós a autonomia dos sentidos e das emoções.

Muitas pessoas tem sofrido sequencialmente com sensações de impotência diante dos desafios vida. Há uma grande parcela que chega para mim no dia a dia de consultório verbalizando que estão em um beco sem saída diante dos seus dilemas e se desesperam dia após dia, sem visualizar uma forma de sair da prisão interior.

Tudo isso acontece de forma avassaladora e desordenada porque no meio do conflito, da dor, do medo, da angústia, ninguém lembra que somos energia.

Nosso corpo físico é energia! Nossa mente é energia! Nossa prosperidade é energia!

Quando sofremos com alguma enfermidade física, com alguma dificuldade emocional (ansiedade, depressão, síndrome do pânico, etc) ou com um bloqueio na matéria (desemprego, oportunidades escassas, dinheiro insuficiente) é porque bloqueamos o fluxo de energia cósmica que corre em nosso corpo físico (órgãos vitais), na nossa mente (pensamentos e emoções) e que, consequentemente, se refletem nas conquistas da vida (a matéria palpável propriamente dita).

Compreender a dimensão energética que há em nós é a chave para entendermos o caminho que nos traz não somente a SAÚDE, como também nos aponta a direção para ter um modo de vida ativo, dinâmico e próspero. Somente dessa forma é possível enxergar verdadeiramente a nossa ALMA que tudo tem e pode nos mostrar no processo evolutivo.

Sua ALMA te apresenta nítidos sinais que busca a CURA quando você:

SINAL 1: Sente que todas as tentativas de mudança até o momento foram infrutíferas!

Você já tentou tudo que a AÇÃO podia fazer, mas o acesso à ALMA é feito pelo silêncio que você nunca conseguiu promover. Sendo assim, você já investiu muito tempo e dinheiro em atividades que, de certa forma, até te trouxeram bem estar temporário, mas logo depois você se deparou com os mesmos sintomas.  Um novo nível de consciência é requerido para que haja silêncio e respostas eficazes.

SINAL 2: Percebe com AGITAÇÃO MENTAL em grande parte do seu dia!

Você tem em mente tudo aquilo que precisa fazer ou suas metas estão bem declaradas e estabelecidas, mas você se perde dentro do que precisa ser feito e não consegue colocar fim às atividades. No final do dia, você acaba se sentindo frustrado, com a sensação que não está dando conta da sua vida e pode até sofrer com a insônia na tentativa de encontrar um entendimento sobre tudo isso durante a própria noite de sono.

SINAL 3: Atrai ACIDENTES, aparelhos eletrônicos QUEIMAM e sua vida começa a DESANDAR!

Você está passeando com sua família e de repente um carro bate na sua traseira ou você atinge um outro veículo sem conseguir entender como deixou aquilo acontecer. Outras vezes, você repara que quando chega em um ambiente, a luz queima, a tv ou o notebook apresentam defeitos da noite para o dia…Na sua empresa, você começa a perder clientes, não consegue fechar contratos ou não vence as metas pré-estabelecidas, deixando de receber premiações e reconhecimentos.

SINAL 4: Sente-se FRACO, DESANIMADO e vive DOENTE!

Sem entender muitas vezes qual a causa do seu cansaço diário, você vai se sentindo fraco, apático, não tem vontade de sair com amigos e nem de se arrumar. Prefere viver sozinho, não tem mais paciência para as relações humanas e também se alimenta da maneira mais fácil, nem sempre saudável. O resultado de tudo isso é que sua imunidade cai e você começa a ter doenças recorrentes: resfriados, dores do estômago, alergias, queda de cabelo e processos inflamatórios.

SINAL 5: CHORA com facilidade e se percebe extremamente sensível!

O bloqueio se instala visivelmente em sua vida com a doença física, emocional ou a perda financeira e você se percebe mais emotivo, chorando com mais facilidade. Por um lado, a angústia latente; por outro, um desejo ardente de sair da situação que se encontra. Entretanto, você não encontra a saída e chora. A sua ALMA já te mostra sutilmente (da forma certa que você é capaz de perceber ou se permite ver) que tem um espaço novo para você conquistar, conhecer, mas você fica confuso e retorna para o ciclo vicioso.

No dia 19 de Maio, acontecerá o Workshop VICTA em Petrópolis/RJ. Lá vou ensinar como esses 5 sinais começam a acontecer a nível energético, como a nossa alma conversa com as nossas emoções e como podemos levar CURA para nossa ALMA e conquistar o equilíbrio e a prosperidade.

Uma imersão de CURA DA ALMA que acontecerá das 14hs às 19hs. São as últimas vagas, inscreva-se imediatamente pelo site: www.curaemocionalnapratica.com.br/victa ou chame minha equipe no whatsapp: (22) 99978-6410.

 VICTA

Oi Oi minha gente, tudo bem com vocês?

É inevitável! Todo lugar que vou alguém aproveita a conversa pra perguntar alguma coisa relacionada às emoções, comportamento, formas de ser, pensar, agir….

Óbvio que eu amo conversar sobre isso e a verdade é que, mesmo nos meus momentos de descanso, eu nunca deixo ninguém falando sozinho, sempre dou um jeito de explicar, responder, enfim…

Mas, lá no meu canal do youtube, o SALAMANDRA OFICIAL, eu aproveito para fazer isso com as pessoas que me acompanham de longe e nem sempre podem estar numa consulta comigo ou num evento meu.

É claro que as respostas que dou para quem me acompanha não substitui acompanhamento terapêutico, mas nesses “CHÁ COM CAMOMYLLA” eu aproveito para descontrair alguns temas pesados sobre CURA EMOCIONAL que sempre somos obrigados a lidar no dia a dia.

No episódio #2 do Camylla Responde, eu clareei a mente de pessoas que tinham dúvidas com relação ao processo de psicoterapia, relacionamentos, traição, intuição, interferências espirituais e tudo mais…

Talvez a sua dúvida tenha sido respondida neste vídeo, então, bora assistir e dar boas risadas!

Ahhhh, pega uma xícara de chá pra me acompanhar e beber enquanto me assiste:

Gostaram?

Ahhh e não esquece…Se tiver alguma dúvida e quiser que eu te responda com toda a sinceridade do mundo e com um tom muito maléfico de Salamandra, pode me enviar no: salamandra@camyllacosta.com

Estou esperando sua pergunta…